Relação antiga de Pernambuco com o samba segue viva

“Negro transporta pro samba o amor. E faz sambar muita gente que nunca sambou”. A letra de “Samba de Negro”, canção interpretada por Wilson Simonal, revela a relação entrelaçada do povo negro com o ritmo. A expressão histórica tem sua origem nos negros escravizados e até hoje se reinventa para não deixar morrer a cadência e batuque fortes em vários cantos do Brasil. Em Pernambuco, o Dia Nacional do Samba, celebrado em 2 de dezembro, é ilustrado com a continuidade das escolas que trouxeram ao ritmo a incorporação de instrumentos de execução musical e coreografias herdadas do frevo, do maracatu,

Fonte: Relação antiga de Pernambuco com o samba segue viva

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: