Generais da derrota 

O Brasil não tem mais um Ministro da Defesa, mas um ordenança militar de Jair Bolsonaro no comando das Forças Armadas. Traduzindo, não há mais um interlocutor político entre o governo e os comandantes das três Armas, mas um ajudante de ordens militar com posição de comando sobre as corporações militares, fazendo de seus comandantes […]

Fonte: Generais da derrota – TIJOLAÇO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s