O último refúgio 

Bozo também não se importa muito com um partido – e alianças – que lhe garantam um tempo expressivo de televisão. Aposta que sua campanha seja nas redes, no smartfone, não nos aparelhos de TV.

Fonte: O último refúgio – TIJOLAÇO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s