Corpo de ativista LGBT ligado ao MST é encontrado carbonizado no Paraná 

Para MST, crime foi motivado por ódio, já que Lindolfo Kosmaski foi morto por dois tiros antes de ter seu corpo queimado. Ele tinha 25 anos

Fonte: Corpo de ativista LGBT ligado ao MST é encontrado carbonizado no Paraná – Rede Brasil Atual

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s