Gilmar Mendes segue sem querer julgar o financiamento empresarial de campanhas

Herança maldita da dupla FHC-Serra!

bloglimpinhoecheiroso

Gilmar_Mendes32 Gilmar Mendes: Em vez de reformas essenciais, bravatas e desrespeito a colegas e países vizinhos.

Ministro do STF mandou para a gaveta a principal raiz da corrupção e aproveita “docilidade” da mídia tradicional para não acenar com nada que realmente interesse ao país.

Helena Sthephanowitz, via RBA

O jornal Folhade S.Paulo conseguiu a façanha de entrevistar o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, sem fazer a principal pergunta: quando ele devolverá o processo para prosseguir o julgamento da Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) 4.650, proposta pelo Conselho Federal da OAB, contra o financiamento empresarial de campanhas eleitorais?

Aliás, se ele dá todos os sinais de que já tem convicção formada para votar contra, por que segurar o voto?

A Adin 4.650 aponta que leis menores, permissivas ao financiamento empresarial, contrariam a lei maior, que é a Constituição Federal. O financiamento empresarial de campanhas é considerado a principal…

Ver o post original 696 mais palavras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: